Isaac e Abel

Lilypie Fifth Birthday tickers Lilypie Third Birthday tickers

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Saloia em terras do Marquês

Isto de ir às terras da nossa capital de transportes públicos já não é como era dantes, se nos enganássemos podíamos voltar atrás e voltar a entrar na estação, sem problema nenhum e sem ter que ir fazer o choradinho ao segurança a dizer que nos enganámos, e depois de ouvir a história de que "isto aqui é muito perigoso para andar sozinha, de onde é que é, e o que é que anda a fazer para estes lados" lá avivei a memória. Avivei a memória e esvaziei a carteira que os transportes públicos são um luxo, "ah, vamos lá andar todos de transportes públicos para proteger o ambiente e reduzir as emissões de CO2" mas o que não dizem é quanto é que custa proteger o ambiente. Outra coisa que não faço é pagar para usar a casa de banho de uma estação, 0,50E para esvaziar a bexiga? Então mas eu tenho escolha? Será que urinar agora também é um luxo e as casas de banho públicas são um privilégio?
 Depois de ter perdido o comboio à minha frente e deliberadamente ter deixado escapar o metro, cheguei à zona onde está o centro comercial mais antigo do país, mas que nunca lá tinha posto os pés. Só é preciso treino para andar nestas avarias e já lá vai o tempo em que andava por Lisboa sem me sentir confusa.